Publicidade

Publicidade

Fernanda Alves: devo me preocupar com uma baixa frequência cardíaca em repouso?

Por:Fernanda Alves

Atualizado em 12 de junho de 2024

Fernanda Alves: devo me preocupar com uma baixa frequência cardíaca em repouso?

Foto: O2Corre

Certa vez estava com meus amigos mostrando o relógio que havia comprado e que media tudo – inclusive a frequência cardíaca. Tivemos, então, a brilhante ideia de medir a frequência cardíaca de todos que estavam à mesa. Estávamos em 5 amigos e apenas eu e meu amigo ao lado treinávamos corrida de forma regular. Ao medir a frequência cardíaca da maioria, a média era de 70 a 80 bpm. Ao medir a minha e do meu amigo, estávamos com uma média de 50 a 60 bpm.  Todos se assustaram acreditando que tínhamos alguma anomalia ou problema de saúde. Quantos de vocês já não passaram pela mesma situação e não sabiam ao certo se ficavam orgulhosos pela baixa frequência cardíaca ou se deveriam se preocupar? Pois bem, podem ficar tranquilos e se orgulharem: o que acontece é uma hipertrofia de miocárdio. Mas o que seria isso? Nosso coração tem duas cavidades parecidas com duas “bolsinhas”, que realizam essa troca do sangue venoso para o sangue oxigenado, e são responsáveis por bombear e irrigar todo nosso sistema circulatório, permitindo que o sangue chegue desde a cabeça até a ponta do seu pé. O corpo humano é incrível: ele se adapta à temperatura, ao ambiente e a situações diversas. Quando um indivíduo começa a correr com frequência, o organismo entende que precisa de uma maior ação dessas “bolsinhas” (cavidades do miocárdio), então ele promove o aumento das mesmas (a hipertrofia). Desta forma, o coração consegue irrigar e oxigenar todo seu corpo em poucas batidas, ganhando força. Então, se antes o coração fornecia aproximadamente 4 litros de sangue com 70 bpm, após a hipertrofia ele consegue o mesmo volume com 50 bpm. É uma adaptação muito positiva quando pensamos em qualidade de vida a longo prazo, portanto realize exercícios físicos com frequência!

Leia a seguir:Saúde e solidariedade na Corrida do Bem Porto do Açu
Confira tudo sobre o Circuito Juntos #BotaPraCorrer
Ativo

Confira tudo sobre o Circuito Juntos #BotaPraCorrer

Publicidade

Publicidade